Temporada de convenções: Psol oficializa candidato em Guarabira

GUARAO PSol de Guarabira confirmou a chapa puro sangue com o nomes do professor Belarmino Mariano Neto, como candidato a prefeito da cidade, e o de Sandro Lima, para vice. A convenção reuniu militantes do Brejo e o presidente do Psol em Guarabira, João Andrade, o presidente Estadual, Tárcio Teixeira, e candidatos do partido em Belém e Caiçara.  O candidato é professor de Geografia e Estudos Integrados do Meio Ambiente e Geopolítica, no Campus III da UEPB Esta é a primeira disputa política do professor Belarmino em Guarabira e a primeira do partido à prefeitura da cidade.

Veja mais detalhes no Bom Dia Paraíba desta quarta-feira (27)

Tese de “autonomia municipal” garante PMDB de JP com Cartaxo

PMDB-reunião-decide-afastamento-de-Dilma

A estratégia do senador José Maranhão (PMDB) é a mais simples de todas. Lembrar aos aliados atuais e aos que querem apoio do PMDB que é “cada um no seu quadrado”.

Ou seja, na tese dele, os diretórios municipais têm autonomia para decidir quem vai apoiar, de acordo com as realidades locais.

Não dá, de acordo com suas últimas posições dele, para fazer “pacotões”, desrespeitando decisões dos membros das executivas dos municípios. Aquelas, claro, que tem autonomia formalizada.

A regra vale, inclusive, para João Pessoa. Mesmo que a decisão tomada aqui, de alguma forma, repercuta em outras cidades. É uma postura conveniente neste momento, mas que convence.

Caso de JP 

Em outras palavras, no caso aqui de João Pessoa, onde a decisão já é de apoio a Cartaxo, o senador está avisando que não vai negociar uma aliança com os socialistas em troca de apoios em Guarabira, Patos, Campina Grande e outras cidades, mesmo querendo o apoio do PSB nesses locais.

Vale lembrar que nos municípios citados, o PMDB tem candidaturas competitivas e com chances reais de ganhar, com ou sem o PSB. Talvez, no segundo turno, o apoio socialista seja essencial, mas nesta outra etapa, outros acordos são feitos.

Manoel Júnior lembrou disse

Na reunião desta segunda-feira à noite (25), quando aparentemente parecia que Manoel Júnior estava sendo “emparedado” pela cúpula estadual (a favor da aliança com PSB), o deputado federal foi no “nervo”.

Lembrou aos colegas que ele não “meteu o bedelho” na eleição de Campina, nem se meteu na de Guarabira, nem muito menos na de Patos ou Cajazeiras e quer que os diretorianos estaduais respeitem a decisão do executiva municipal. Instância que tem autonomia para tomar a decisão.

Talvez por isso o recuo formal de Raimundo Lira, dos Paulino, mesmo opinando sobre o cenário de JP. Eles, de fato, admitem que não podem interferir diretamente na decisão, apenas influenciar. Algo, que a essa altura do campeonato não devem conseguir mais.

Então, caro leitor, para não me alongar mais. Se Maranhão não quiser usar a “força bruta”, a decisão está tomada. Na capital, o PMDB está com o prefeito de JP, Luciano Cartaxo, candidato à reeleição.

Candidatos de Guarabira confirmam datas das convenções partidárias

GUARABIRA

A primeira convenção de partidos que terão candidatura própria em Guarabira foi a do PSDB, na última quarta-feira (20). Zenóbio Toscano foi confirmado como o nome da legenda. O prefeito tenta a reeleição numa chapa puro sangue, ao lado de Marcus Diogo.

A segunda candidatura homologada será a do professor Belarmino, do Psol, dia 26, às sete 19 horas, na Câmara de Vereadores. O nome do vice será divulgado na convenção.

Dia 31 de julho é a vez do PSB. Josa da Padaria será confirmado como o nome da legenda para disputar a prefeitura da Rainha do Brejo. O evento será no Ginásio da Escola Jonh Kennedy, no Bairro Novo, às 9 horas. Beto Meireles (PDT) será o companheiro de chapa do socialista.

O último nome da disputa a ser homologado é o da ex-prefeita Fátima Paulino, do PMDB. O ato político-partidário foi remarcado para dia 04, na Câmara Municipal, às 12 horas.

Na última quarta-feira (20), a candidata anunciou que seu vice será Inaldo Júnior (PTB), presidente da Câmara e ex-aliado de Zenóbio.
zenóbio