Ciclistas querem compromisso de candidatos de JP com a mobilidade sobre duas rodas

14374562_10210528908279780_1771005638_oDez entidades e movimentos da sociedade civil organizada, defensores do uso da bicicleta como meio de transporte e para o lazer, que lutam pelo respeito, incentivo ao modal e por sua plena inserção no cotidiano do tráfego da cidade, querem muito mais que palavras dos candidatos a prefeito de João Pessoa.

Nesta quarta-feira (14), eles vão apresentar e pedir que os prefeitáveis da capital assinem a “Carta-compromisso com a mobilidade por bicicleta em João Pessoa”. O documento já está nas mãos dos candidatos e dos vices.

Ele integra o conjunto de ações da Campanha Bicicleta nas Eleições, promovido pelo coletivo de ciclistas urbanos da Capital, que será lançado oficialmente na Praça da Paz, às 18h30.

A carta
Ao longo das oito páginas da carta-compromisso, enviada à candidata Cida Ramos(PSB) e aos candidatos Luciano Cartaxo (PSD), Professor Charlinton (PT) e Victor Hugo (Psol), estão elencadas pautas prioritárias relacionadas à mobilidade urbana por bicicleta. O documento está dividido em temas: segurança e fiscalização no trânsito, educação, infraestrutura e estacionamento, administração pública e planejamento, serviço para usuários de bicicletas e legislação.

O desafio com a Campanha é tornar a mobilidade urbana por bicicleta um compromisso efetivo nos planos de gestão dos candidatos e candidatas ao executivo e legislativo municipais.

Queremos desafiar os candidatos a usar a bicicleta como meio de transporte, de fato, pedalando até o local de trabalho ou aos 14341729_10210528194421934_1654834548_n (1)compromissos do dia. Afinal, essa é a realidade de milhares de ciclistas que cruzam a cidade todos os dias para estudar ou trabalhar – um direito garantido pela Lei e desrespeitado diariamente nas ruas da cidade”, adianta Caio Henrique, do Cidade Bike.

A ideia é que eles não só assinem o documento como participem do evento, assumindo o compromisso publicamente.

É um desafio bem diferente daquele dos chamado bicicletaços que as coligações têm promovido, quando muitas bicicletas vão às ruas para festejar, com toda a segurança e ruas fechadas para isso. Gostaríamos muito que esses candidatos vivenciassem um pouco os prazeres e os desafios de pedalar em sua cidade”, completa Henrique França, do João Pessoa que Queremos.

Entidades/movimentos da sociedade civil organizada que participam
Com o evento, João Pessoa entra pela primeira vez no circuito oficial de ações da União de Ciclistas do Brasil (UCB). Na luta pela proposta estão o grupos Bike Anjo João Pessoa, Coletivo Cidade Bike, Coletivo UFPBike e João Pessoa que Queremos, contemplados em um edital nacional que apoia a execução da Campanha em 53 cidades brasileira; além do Engajamundo – Núcleo Local Paraíba, Instituto Soma Brasil, Minha Jampa, Movimento Ciclovias Já, Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos da UFPB e Trama – Escritório Modelo de Arquitetura e Urbanismo.

Estamos acompanhando os candidatos e é fácil perceber que as propostas de mobilidade urbana para João Pessoa continuam prioritariamente centradas no automóvel. Além de ultrapassadas, tais propostas vão de encontro ao que é exigido pela lei, que exige a priorização dos transportes não motorizados e o desestímulo ao uso de automóveis”, ressalta Caio Henrique, do coletivo CidadeBike.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *