Vacinação 9:35

Governadores do Nordeste pressionam Anvisa para acelerar liberação da Sputink V

Por ANGÉLICA NUNES e LAERTE CERQUEIRA

 

Os governadores dos estados nordestinos se reúnem nesta terça-feira (6) com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para discutir sobre autorização de importação e uso emergencial da Sputnik V. O grupo pressiona para que as 37 milhões de doses do imunizantes, contratadas através do Fundo Soberano no último dia 15 de março, cheguem com mais celeridade. Sem a liberação da Anvisa elas não podem entrar no país.

A reunião de hoje será realizada por videoconferência e o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), estará representado no encontro pelo secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros.

Segundo a Anvisa, os processos estão sendo analisados de acordo com resolução que estabelece os requisitos para importação de vacinas contra covid-19. A norma é específica para o momento de emergência sanitária.

Na semana passada, a Anvisa já havia informado sobre a suspensão do prazo de análise do pedido de uso emergencial da Sputnik V, alegando falta de documentos para validar a segurança da vacina. Apesar da suspensão, a agência reguladora afirmou que segue avaliando os pedidos e que aguarda mais informações.

Segundo o governador do Piauí, Welligton Dias, presidente do Consórcio Nordeste, a Sputinik possui 94% de eficácia, o que está sendo confirmado diariamente pelos 51 países que estão aplicando o imunizante.

Na América Latina, a Sputnik V já é utilizada na Argentina e no México. Aqui no Brasil, o laboratório responsável pelo imunizante é a União Química.

Comente
O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *