Areia Representa a Paraíba na Expocachaça 2019

Produtores de cachaça da Cidade de Areia participam, pelo segundo ano consecutivo, da Expocachaça, em Belo Horizonte, MG.

 

De Areia para o Brasil

De 06 a 09 de junho de 2019, acontecerá em Belo Horizonte, Minas Gerais, a 29ª Expochaça , no Expominas, a mais conceituada vitrine mundial da cadeia produtiva da cachaça.

 

Todas as grandes marcas estarão presentes, incluindo as da Paraíba.

Como não poderia deixar de ser, a Paraíba estará presente ao evento. A Associação dos Produtores de Cachaça de Areia (APCA), com o apoio do Prefeitura da Cidade e do SEBRAE, fará,  pelo segundo ano consecutivo, a exposição e degustação das cachaças feitas nessa tradicional e histórica região produtora do nosso estado.

A associação é composta por 10 marcas associadas, sendo elas: Aroma da Serra, Cristal de Areia, Elite, Ipueira, Matuta, Princesa do Brejo, Serra de Areia, Triunfo, Turmalina da Serra e Vitória.  A finalidade da APCA é a obtenção do reconhecimento da Indicação Geográfica (IG) para a cachaça produzida na cidade de Areia. Além disso buscam o aprimoramento do processo produtivo e busca de novos mercados.  Sendo assim, a participação nesse evento é importante para mostrar e consolidar o conceito de que a cidade de Areia tem um produto diferenciado devido à sua localização, seu clima e sua cultura.

 

Apoio indispensável

Com a finalidade de dar subsídios ao setor da cadeira produtiva da cachaça no Estado, o Sebrae está apoiando a APCA com 50% do valor do estande e 50 % de passagens aéreas.  A prefeitura de Areia também contribuiu franqueando a ornamentação do estande. Outra ação da prefeitura é enviar,  junto com os produtores, o seu secretário de Turismo. A finalidade é buscar “know-how” e iniciar um projeto que visa trazer para Areia um evento nos mesmos moldes dessa exposição. Foi agendada uma reunião entre APCA, o secretário municipal de turismo de Areia e o diretor da Expocachaça para estudarem uma forma de parceria.

 

Na Edição 2018 a cachaça Matura trouxe prata para a Paraíba

 

Qualidade premiada

Além das exposições e espaços de prova e venda de produtos, a Expocachaça  tem um concurso de degustação às cegas onde as cachaças com maior pontuação são premiadas. Na edição de 2018 participaram da exposição cerca de 650 cachaças de 20 estados do Brasil.  A Cachaça Matuta (fabricada em Areia)  conquistou uma medalha de prata na degustação de cachaças brancas.

Nas degustações de cachaças os jurados dão notas de acordo com critérios como sabor, aroma e tempo de armazenagem nos barris. Do Nordeste, só a Cachaça Matuta e a cachaça Sanhaçú Freijó, de Pernambuco, conseguiram medalhas. Para este ano, no entanto, a expectativa entre os expositores é que consigam superar os resultados do ano passado, tanto nos negócios fechados durante a feira como nas premiações.

 

O ponto alto da exposição é a avaliação das cachaças

 

Constância de propósito

A APCA busca, constantemente, elevar e divulgar a qualidade das cachaças da região, em particular, e da Paraíba, como um todo. O objetivo para esse evento é utilizar a força e o pioneirismo da feira e a sua posição de maior e mais conceituada exposição de cachaça do mundo, visando fomentar negócios, promover e divulgar as marcas paraibanas. Como meta geral eles buscam promover, ainda, ações estratégicas de modo a ter influência nos ambientes politico, institucional da mídia e do mercado, gerando impactos significativos nas tomadas de decisões em prol da promoção, divulgação e desenvolvimento do setor no Estado e no Brasil.

ENTÃO, BOM EVENTO E TODA  SORTE DO MUNDO PARA AS CACHAÇAS DE AREIA E DA PARAÍBA

8 comentários - Areia Representa a Paraíba na Expocachaça 2019

  1. Vital Disse:

    As cachaças da Paraíba estão entre as melhores do Brasil, parabéns Maurício pelas suas colocações.

  2. João Lins - Juazeiro-Ba Disse:

    Mauricio Carneiro é um profundo conhecedor do processo de fabricação e da história da cachaça. Parabéns pela contribuição que você tem dado na divulgação da cachaça Paraibana.

  3. A melhor cachaça da Paraíba e do Brasil e, a MATUTA de UMBURANA! Boa de bebê e não deixa MAU HÁLITO.

    • Maurício Carneiro Disse:

      Givanildo, obrigado por sua interação. Felizmente o paraibano está deixando a mesmice das cachaças brancas (que foram e são muito importantes para chegarmos ao grau de qualidade que chegamos), para começar a provar os outros sabores das cachaças envelhecidas. Além da Matuta, temos outras ótimas cachaças envelhecidas, como a Arretada Carvalho; a linha Turmalina da Serra, com três tipos de madeira; a Baraúna Umburana; a Cigana, enfim. Nosso leque de cachaças aumentou muito e tem muita coisa pra se descobrir e provar. Talvez você até se surpreenda com a qualidade do que está sendo produzido hoje na PB.

  4. ANTONIO Disse:

    cachaça boa, mas para saborear e não ficar bêbado só assim podemos destinguir sabor e qualidade.

  5. Teógenes Gouveia. Disse:

    Areia se destaca na produção de cachaça. Logo estará num patamar das melhores do Brasil. Como areense me orgulho da minha terra e de seus empreendedores.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *